2020: Lukin, São Paulo e novo site

Olá pessoas! Estou um bom tempo sem postar aqui, eu sei – pouco mais de 2 anos na verdade 😅

Muitas coisas aconteceram nesses últimos dois anos: vários eventos, empresas, projetos… mas sendo bem sincero não tive coragem de escrever em um blog com a cara de 2012, que foi quando eu fiz aquele template antigo.

Seguindo o hábito do Willian Justen, estou escrevendo esse post escutando o álbum Smoke, do ex-guitarrista do Guns n’ Roses, Izzy Stradlin.

Mas vamos as novidades…

Lukin

Dá pra dizer que essa é a grande novidade do final de 2019 e começo de 2020 para mim (merece até um post só pra isso). Foram alguns anos querendo empreender mas sempre achava que não era o momento – e fiz certo. Não queria começar um novo negócio sem experiência (nada contra quem fez ou faz isso).

Não pulei etapas. Toda minha vida fui sempre crescendo profissionalmente até, digamos, bater no teto e ver na minha frente a oportunidade de empreender (depois conto num post como foi isso).

Mas nada disso é possível sozinho. Você precisa de pessoas fodas, com alta capacidade técnica e chatas com qualidade… o que, confesso, não foi difícil de encontrar, já que sempre fui rodeado por pessoas assim.

Faz mais ou menos 1 ano que eu, Fernando Daciuk e Vitor Mendrone vínhamos conversando sobre abrir uma empresa. Mas não queríamos uma simples empresa. Precisava (e precisa) ser a empresa dos sonhos de devs e designers.

Foi então que em setembro começamos as primeiras conversas para a abertura da Lukin. Desde então passamos a nos reunir pelo menos 1x por semana remotamente.

Todas as conversas tinham 3 pautas principais: definir o branding, modelo de negócio e a cultura da empresa. E nisso ficamos ao longo de 2 a 3 meses.



“Weekly” da Lukin em Novembro de 2019

Em dezembro ganhamos mais um sócio, o Leonel Melo (carinhosamente chamado de Léo) que é um cara sensacional. Ele tem uma puta experiência como Product Manager e também como empreendedor, o que só vem a somar, já que apesar de termos milhares de soft skills adquirida ao longo dos anos, temos a veia técnica muito forte.

Ainda em dezembro, fechamos nosso primeiro contrato para um projeto de 9 meses. Estamos com mais alguns clientes grandes no pipeline e muito em breve vamos contratar, então, fiquem atentos(as).

Como falei antes, o objetivo é termos uma empresa enxuta, sólida, e que seja DEV FIRST (entenda-se também por designers, UX, PM… ou seja, todo mundo que faz parte do desenvolvimento). Vamos estar onde sempre estivemos, no meio da comunidade de desenvolvimento, só que agora também recrutando e fazendo negócios para a Lukin.

Estamos desenhando carinhosamente uma cultura mega forte (quem me conhece sabe que sou chato com isso). Cultura essa baseada em pilares como open-source, apoio a comunidades, ótimos developers… ou seja, nossa verdadeira essência.

Mudança para São Paulo

Sou nascido e criado em Santa Catarina (❤️), lugar onde sempre morei. Nasci no interior do estado (cerca de 1h da capital) e fazia 8 anos que morava em Florianópolis, lugar onde trabalhei, fiz muitas amizades (muitas mesmo) e consegui contribuir bastante com a comunidade local, fundando o FloripaJS e o Front in Floripa, ambos ativos na cidade desde 2013 e que organizo desde as suas primeiras edições até hoje.

Sempre gostei de São Paulo e já perdi as contas de quantas vezes fui pra cidade, em sua grande maioria indo para eventos ou a trabalho (inclusive teve gente de SP e Floripa achando que eu morava na capital paulista 😅).

Como nada mais me prende em Florianópolis e muito por causa da Lukin, vou morar em definitivo na maior cidade da América Latina a partir da segunda metade de janeiro.

Novo site

Por último e menos importante, dei uma leve repaginada no meu site/blog. Não usei nenhuma tecnologia hype (Gatsby, Nuxt…). Continuei com o bom e velho Hexo e só fiz alguns ajustes no design/css.

Pretendo escrever mais, já que é uma coisa que gosto… mas antes não estava fazendo pois não aguentava mais ver a cara do meu blog antigo.

Considerações finais

Ano novo e bora para mais uma aventura nessa minha longa jornada no mundo da tecnologia, só que agora com outro desafio: fazer com que a Lukin seja referência no Brasil e no mundo.